Resenha: ‘Rock Star – S.C. Stephens’

Oii gente! Eu passei um tempinho sumida do blog, mas foi por um bom motivo: eu me casei, mas agora to voltando com força total. E justamente com uma história que é minha queridinha: Rock Star. Essa série vem lendo publicado pela nossa parceira Editora Valentina. Vamos conferir a sinopse antes de saber o que eu achei dessa história…

Ele é intenso, complicado e perigoso. Ele é demais! O único lugar onde Kellan
Kyle sempre se sentiu em casa foi no centro de um palco. Tocando guitarra num bar escuro, ele consegue esquecer o passado doloroso. Nos últimos tempos a sua vida se resume em três coisas: música, seus companheiros de banda e intensos encontros sexuais. Até que uma mulher muda tudo… Kiera é o tipo de garota que Kellan jamais deveria desejar — ela é inteligente, doce, e também a namorada do seu melhor amigo. Convencido de que nunca conseguirá merecer o amor dela, ele esconde a sua crescente atração… até que o coração atormentado de Kiera oferece a Kellan algumas pistas de que os sentimentos dele podem ser correspondidos. Agora, não importam as consequências, Kellan tem uma certeza: não vai deixar Kiera escapar sem lutar por ela. Em Intenso Demais, Kiera contou sua história. Agora é a sua vez ouvir a versão pela boca do “rock star” sexy que cativou fãs do mundo inteiro.

Rock Star é a história de Intenso Demais – primeiro livro da trilogia -, contada pelo ponto de vista do Kellan Kyle. Quem me conhece sabe que eu sou defensora assídua dessa séria, mas mesmo eu que sempre amei a historia, comecei a leitura com um pouco de receio e fui surpreendida mais uma vez.

“Às vezes as coisas mais bonitas do mundo são ignoradas por causa de outras mais chamativas e ofuscantes”

Kellan vive da música, ele e mais 3 amigos – Evan, Matt e Griffin – formam a banda D-Bags, que está ganhando fama e conquistando as ruas de Seattle e é no Pete’s que eles fazem mais sucesso e consideram o bar sua segunda casa. Apesar de viver rodeado de pessoas, principalmente do sexo feminino, Kellan se sente muito sozinho é por isso que quando seu amigo de longa data, Denny liga contando que ele e sua namorada estão de mudança pra Seattle, ele não pensa duas vezes e convida ambos para ficaram em sua casa.

“A garota por quem eu me senti instantaneamente atraído, apesar da distância entre nós, era… a namorada de Denny. Merda, é claro que era.”

Logo que chegam a Seatlle, Denny precisa fazer uma viagem à trabalho e acaba deixando Kiera sozinha com Kellan. A medida que os dias foram se transformado em semanas e as semanas se tornaram meses, Kellan e Kiera iam se abrindo um pro outro e o que começou com uma amizade, acabou virando algo bem mais intenso. É aí que a grande maioria dos fãs da série passam a odiar Kiera afinal ela fica dividida entre Kellan e Denny criando assim um forte triângulo amoroso.

Em Intenso Demais eu não consegui odiar a Kiera e aos meus olhos, esse livro me fez odiá-la menos ainda, isso porque algumas peças que estavam soltas em Intenso Demais acabam se encaixando perfeitamente. Não vou negar que em alguns momentos ver a dor de Kellan – e sentir o quanto ele esta quebrado, quebrou meu coração também – e me fez odiar Kiera, em determinadas parte as história. Os diálogos são tão intensos que eu precisei parar a leitura mais de uma vez para conseguir absorver a intensidade desse casal. Foi muito pesado para mim, porque eu já era apaixonada pelo Kellan desde quando li os três primeiros livros, então voltar a essa história, mexeu bastante comigo.

“Ela estava ótima… E eu desejava nunca ter nascido. Senti os olhos cheios d’água, então voltei a me concentrar na respiração”

Ao longo da história vamos vendo inúmeras tentativas de Kellan ser o escolhido de Kiera, mas ela não conseguia escolher e isso acabou destruindo tanto Kellan quanto Denny que passou praticamente o livro todo no escuro, sem saber o que acontecia com seu amigo e sua namorada. Em mais de um momento, Kiera preferiu Kellan, ela segurou sua mão e foi seu alicerce e é exatamente por isso, que mesmo Kiera me fazendo passar muita raiva eu não consigo odia-la. A grande verdade é que ela sempre esteve presente quando Kellan precisou e ver a sintonia que eles tem chega a ser surreal, poucos casais da literatura tem tanta química juntos.

“Quando ela olhou para o meu rosto, eu soube que estava me vendo…”

Não tem como colocar toda a culpa desse sofrido triângulo amoroso, apenas nas costas de Kiera, Kellan também errou muito, estava plenamente consciente de que estava quebrando a promessa que fez ao seu amigo, de que nunca encostaria a mão em sua namorada e sabia que esse era um caminho sem volta.

A parte divertida do livro, fica a cargo dos integrantes da D- Bags: Matt, Evan e principalmente Griffin. Eles são engraçados, fofos e juntamente com Kellan tem um amor incondicional pela música. Eles formam uma família e é nela que muitas vezes Kellan se agarra, principalmente quando precisava dar um tempo de toda tensão que enfrentava ao lado de Kiera.

23602058_1500382833379590_1767668201_n

A diagramação do livro esta linda, a capa então é um show a parte e tem tudo a ver com a história de Kellan. Minha única reclamação é que as folhas do livro são brancas e a letra absurdamente pequena, como Rock Star é um livro de 512 páginas, isso acaba dificultando um pouco a leitura, tornando ela cansativa.

“Tinha sentido tanta falta dela. Eu a desejava tanto. Eu a amava muito” 

Rock Star, tem uma mensagem maravilhosa de que nós devemos enxergar além dos defeitos e amar as pessoas como elas realmente são. Ninguém pode ser definido pelos erros que comete e perdoar também é um ato de amor.  É por isso que Rock Star, apesar de ser um livro forte, sempre estará no meu Top 10 de livros que mais amo na minha vida. Kellan é aquele tipo de personagem que vai além do sexy badboy. Ele é fofo e vulnerável de uma maneira tão intensa que não existe alternativa a não ser amá-lo incondicionalmente. Eu não poderia dar menos que 5 Angélicas para essa história.

CLASSIFICAÇÃO 5 ANGÉLICAS

17 comentários em “Resenha: ‘Rock Star – S.C. Stephens’

  1. Olha, mas que surpresa boa! Realmente, nos tempos em que vivemos, essa sim seria uma leitura extraordinária para todos! Esse livro, pelo visto, deveria ser distribuído em todas as escolas! Precisamos de amor! Precisamos amar! Valeu pela excelente dica! Adorei estar aqui!

    Grande Abraço!

    Curtir

  2. Sou louca para ler esse livro, assim como vários da Editora Valentina, essa capa é realmente linda demais! Sua resenha me deixou com ainda mais vontade de ler ❤

    Curtir

    1. Oi Jonas,
      Esse livro é daqueles que ou você ama ou você odeia, eu escolhi amar.
      Vale a pena ler pra vc descobrir de que lado você está. Kkkkkkkkk.

      Curtir

  3. Sou uma das poucas que não odeia Kiera, ela e Kellan tiveram culpa, mas o Denny também, porque ele criou a situação deixando os dois sozinhos por meses, praticamente abandonando Kiera.
    Eu amo a série e esse livro veio só para confirmar esse sentimento.

    Curtir

  4. Ai gente, eu já era louca pra conhecer essa história, e agora sabendo que tem um livro na visão do Kellan me animou ainda mais hahahhaha eu sou doida pela visão do homem, sempre! E um rockstar mexe com o meu coração ❤

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s