Resenha ‘Um de Nós está Mentindo – Karen M. McManus’

Oi ooooi gente! Hoje trouxe a resenha de um livro que quis ler assim que pus meus olhos na capa dele e na sinopse. Um de Nós está Mentindo trás um suspense, com a investigação de um crime que aconteceu na escola. A questão que precisamos descobrir é se os acusados são todos culpados, se apenas um deles está mentindo ou se eles fazem parte de um jogo maior, sendo apenas marionetes de um mestre mais inteligente. Antes de começar a falar, deem uma olhada na sinopse…

Cinco alunos entram em detenção na escola e apenas quatro saem com vida. Todos são suspeitos e cada um tem algo a esconder.
Numa tarde de segunda-feira, cinco estudantes do colégio Bayview entram na sala de detenção: Bronwyn, a gênia, comprometida a estudar em Yale, nunca quebra as regras. Addy, a bela, a perfeita definição da princesa do baile de primavera. Nate, o criminoso, já em liberdade condicional por tráfico de drogas. Cooper, o atleta, astro do time de beisebol. E Simon, o pária, criador do mais famoso app de fofocas da escola.
Só que Simon não consegue ir embora. Antes do fim da detenção, ele está morto. E, de acordo com os investigadores, a sua morte não foi acidental. Na segunda, ele morreu. Mas na terça, planejava postar fofocas bem quentes sobre os companheiros de detenção. O que faz os quatro serem suspeitos do seu assassinato. Ou são eles as vítimas perfeitas de um assassino que continua à solta?
Todo mundo tem segredos, certo? O que realmente importa é até onde você iria para proteger os seus.

Um de Nós está Mentindo começa com Bronwyn e Simon se dirigindo a sala de detenção. Lá, eles se encontram com Nate, Addy e Cooper, já sob a supervisão do Sr. Avery. E o mais estranho é que, conforme eles vão falando, descobrem que os cinco estão na detenção pelo mesmo motivo: todos foram encontrados com celulares, ainda que aleguem que não sejam seus próprios aparelhos.

Só que a detenção não terá um fim muito bom para um dos alunos. Enquanto observam um acidente que aconteceu no estacionamento do colégio, Simon começa a ter uma forte reação alérgica e mesmo com os esforços de Nate em ajudá-lo e de Cooper em buscar uma injeção de adrenalina, ele não resiste e acaba falecendo.

417

Mas, pior do que a notícia da morte do rapaz, é saber que sua morte não foi acidental. Simon era alérgico a amendoim e em seu copo d’água, foi encontrada uma alta dose de óleo de amendoim. Então, começam as investigações. E, suspeitos podem não faltar, afinal, Simon era o autor do site Falando Nisso, que contava segredos e podres de todos os alunos do colégio.

– Ela é a princesa, e você, um atleta. – responde ele, apontando o queixo para Bronwyn e depois para Nate. – E você é um crânio. E também um criminoso. Vocês todos são estereótipos de tipos ambulantes de filmes de adolescente.
– E quanto a você? – pergunta Brownyn. […]
– Eu sou o narrador onisciente. – responde Simon.

Bronwyn, a estudante gênia com ambição em entrar para Yale; Addy, a linda menina, digna de coroação no baile e que namorar um popular; Cooper; o jogador sensação de beisebol; e Nate, o problemático estudante em condicional por tráfico de drogas. Os estereótipos perfeitos, os presentes na cena do crime e os principais suspeitos. Principalmente, após a polícia achar uma postagem programada do blog de Simon, que deveria ser divulgada no dia seguinte a morte do menino. Postagem essa que revelaria segredos que os quatro gostariam de esconder.

Paralelo as acusações que pesam em cima dos quatro estudantes, um tumblr começa a publicar mensagens onde assumir ter matado Simon. E vai fazendo postagens conforme as investigações policiais avançam e conforme a mídia começa a cobrir o caso.

Nas investigações mais segredos entre os quatro suspeitos serão revelados, de forma, muitas vezes, cruel. Mostrando que sim, eles poderiam ter matado o Simon por coisas do passado ou de agora. Só que da forma que a polícia conduz isso, podem acabar virando a população contra eles.

Sejamos francos: todo mundo no Colégio Bayview odiava Simon. A diferença é que eu tive coragem suficiente para fazer algo a respeito disso.
De nada.

Eu não quero falar mais sobre o plot do livro, porque não quero correr o mínimo risco de dar um spoiler ou deixar algum indício que deixe vocês perto da resposta final. Mas quero falar um pouco dos personagens e do meu processo de leitura.

418.JPG

Bronwyn é a personagem que eu mais gostei. Mesmo orientada pro sua advogada a manter distância dos outros acusados, ela não segue muito isso. Ela se mantém conectada a tempo todo a Nate, por quem nutre uma paixão desde cedo, além de acolher Addy no seu círculo próximo de amigos e continua lidando bem com Cooper. Ela começa uma investigação paralela a da polícia, unindo informações que foi juntando e vai montando um quebra cabeça para gente acompanhar.

Nate, é o bad boy, que todos suspeitam, pelo histórico. Ele teve uma vida bem difícil com uma mãe drogada que desapareceu, um pai que é bêbado. Ele se afastou dos amigos muito cedo, mas acaba se reaproximando de Brownyn com toda essa história. Ele demora a admitir, mas gosta da garota e de sua companhia. Também vai criar amizade com Addy e Cooper, que irá defender quando necessário.

Essa é a verdade sobre diferenciais competitivos. Algumas vezes eles são bons demais para ser verdade.

Addy é a que mais sofre com tudo isso, fica muito abalada desde o momento que vê Simon passando mal e se desespera quando seu segredo vem à tona. Ela pode não perceber, mas mantém um relacionamento bem abusivo com Jake, que vem a ser melhor amigo de Cooper. Quando esse relacionamento terminar, vai descobrir quem são seus verdadeiros amigos e, melhor ainda, ela vai descobrir a si mesma.

Já Cooper é jogador de beisebol, que sofre com a pressão do pai para escolher qual faculdade irá defender. Mas, seu grande segredo não é o que seria revelado por Simon no dia seguinte da sua morte, esse permanece escondido. Mas não por muito tempo. Ele ficará do lado de Addy quando todos os populares colocarem ela de lado e irá protegê-la.

Eu amei essa leitura. Me vi super envolvida com o livro, com os personagens. Cheguei em um ponto, que me negava a acreditar que, de fato, um deles pudesse estar mentindo. Meu coração não queria admitir essa possibilidade. Torci para que Addy superasse o ex ridículo dela, torci para que Cooper se saísse bem quando seu surpreendente segredo viesse a público, torci para que Nate pudesse ter uma boa vida, depois de péssima infância que teve e que Brownyn conseguisse realizar seus feitos.

Agora eis o dever de casa: liguem os pontos. Será que está todo mundo mancomunado ou alguém está no controle? Quem é o manipulador e quem são as marionetes?
Vou dar uma pista para vocês começarem: todo mundo está mentindo.
Valendo!

O livro é uma pedida certa para quem é fã de Gossip Girl, Pretty Little Liars e Clube dos Cinco. Nós temos elementos muito presente nessas séries e no filme. Temos detenção, alunos tão diferentes entre si, seus dramas particulares, um blog que faz fofoca sobre alunos da escola, um criminoso que usa a internet para confessar seus crimes. Não que ter esses elementos tornem a história repetitiva. Eu, como fã dos três citados, amei ver a mistura deles e como foi construída a história.

Achei a escrita da Karen super fluída, onde a gente quer ir devorando cada vez mais páginas e ir descobrindo o desenrolar da história. De fato, ela nos envolve em toda a trama e trás um plot twist inimaginável. Claro que a frente da história é a investigação, mas ela também trás temas como o bullying, relacionamentos abusivos, sexualidade, pressão familiar, romance proibido, abandono infantil e até mesmo crimes em escolas. Ou seja, temos amplas coisas para poder discutir com esse livro.

419.JPG

McManus divide o livro em três partes: ‘Lá vem textão do Simon’, ‘Pique-esconde’ e ‘Verdade ou consequência’. Em todas as partes, temos a narrativa dos quatro suspeitos envolvidos na morte de Simon e as pessoas ligadas a eles, que se tornam partes importantes para que a gente possa entendê-los e que o quebra cabeça todo se encaixe.

É uma grande reportagem: quatro alunos bonitos e famosos, todos sendo investigados por assassinato. E ninguém é o que parece.

A diagramação é simples. O livro trás páginas amareladas, com letras e espaçamentos bastante confortáveis para as leituras. Os capítulos são apenas numerados, mas, dentro deles, estão as subdivisões com a indicação de onde começa a narrativa de cada personagem, indicando o dia da semana, data e hora em que eles se encontram.

Sejam esses quatro, culpados ou inocentes do crime envolvendo Simon, eles ganharam meu coração e as cinco Angélicas.

CLASSIFICAÇÃO 5 ANGÉLICAS

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

10 comentários em “Resenha ‘Um de Nós está Mentindo – Karen M. McManus’

  1. Apesar do mote já ter sido bastante explorado até pelos Simpsons (várias pessoas em um ambiente, um criminoso e vários suspeitos), a definição de novos personagens sempre pode apresentar um enredo interessante, e parece ter sido o caso com essa obra. Ainda, a postagem em si está excelente, com boas fotos e passagens. Obrigado por compartilhar.

    Curtir

  2. Livro parece ser muito legal, a historia é muito interessante, gostei muito da forma que falou sobre o livro me deixou com muita vontade ler ele.

    Curtir

  3. Oi Raíssa, tudo bem?

    Vejo muitas postagens sobre esse livro e cada vez fico mais curiosa para saber mais a respeito, pois algumas pessoas amaram, já outras odiaram e isto aumenta minha curiosidade. Deve ser ruim nos apegarmos aos personagens e ter que torcer para nenhum deles ser o criminoso. Sua resenha, como sempre ficou maravilhosa e me instigou a querer ler a obra. Parabéns!

    Beijos!

    Curtir

  4. Olá! Menina curti muito a sua resenha, eu tinha sérias dúvidas quanto a esse livro mas fiquei feliz em saber sobre o enredo.. Gostei da comparação com gossip girl (reparei a semelhança logo no inicio da resenha haha) e com certeza eu leria, espero gostar da leitura tanto quanto você gostou!

    Beijos,
    Conta-se um Livro

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s