Quarentena do Além: ‘Series Nacionais – parte II’

Oii oi gente. Voltamos com a segunda parte da nossa indicação de Séries Nacionais. Mês passado, na parte I, já trouxemos as primeiras 10 dicas. E, hoje, selecionamos mais 10 séries incríveis para maratonar nesse tempinho livre. Dessa vez, nossa seleção conta com vários títulos mais leves e divertidos, passando dos mais antigos aos mais recentes. Então chega de conversa e bora conhecê-los.


A GRANDE FAMÍLIA (2001)

Sinopse: Tipicamente brasileira, a família Silva é composta por Lineu (Marco Nanini), Dona Nenê (Marieta Severo), Tuco (Lúcio Mauro Filho), Bebel (Guta Stresser), e Agostinho Carrara (Pedro Cardoso). Eles moram em um subúrbio na Zona Norte do Rio de Janeiro e, junto com a família, os vizinhos e amigos, eles convivem com suas diferenças e ajudam uns aos outros a contornar as situações mais inusitadas.

AMORTEAMO (2015)

Sinopse: Dois triângulos amorosos envolvidos pela morte e pelo mundo sobrenatural. Arlinda (Letícia Sabatella) é uma mulher forte, casada com Aragão (Jackson Antunes), mas se apaixona por Chico (Daniel de Oliveira), que se torna seu amante. Um dia, Aragão flagra o casal na cama e atira no seu rival, matando-o. O que nenhum deles esperava é que Chico tinha acabado de engravidar Arlinda. O fruto dessa relação proibida é Gabriel (Johnny Massaro), um jovem que vai carregar desde a infância uma maldição relacionada à morte. Apaixonado desde a infância por Lena (Arianne Botelho), ele será obrigado a se casar com Malvina (Marina Ruy Barbosa). Porém, ele foge e abandona a noiva no altar. Desolada, Malvina comete suicídio, mas por algum motivo sobrenatural, ela volta do mundo dos mortos como uma noiva-cadáver, disposta a ficar ao lado de seu amado.

AS BRASILEIRAS (2012)

Sinopse: Cada episódio é protagonizado por uma atriz e situado em um estado diferente do Brasil, com mulheres divertidas e sensíveis contando suas histórias incríveis de justiceira, sexóloga, fofoqueira, apaixonada, reacionária, mascarada, mãe, venenosa, perseguida, indomável, vidente, anjo, sambista e doméstica, entre outras.Os episódios são independentes entre si e algumas das protagonistas incluem atrizes consagradas como Juliana Paes, Patrícia Pillar, Leandra Leal, Letícia Sabatella, Glória Pires e Fernanda Montenegro. Spin-off de As Cariocas.

AS CARIOCAS (2010)

Sinopse: A cada episódio, a série conta 10 histórias de 10 mulheres ao redor do Rio de Janeiro. Cada uma delas vive em um bairro tradicional carioca, e mostram todas suas manias, desejos, diferenças e semelhanças.

MISTER BRAU (2015)

Sinopse: Mr. Brau (Lázaro Ramos) é o cantor do momento. Mas atrás de todo grande homem, tem uma grande mulher. Afinal, ele conquistou seu sucesso meteórico ao lado de Michele (Taís Araújo), sua esposa, musa empresária e coreógrafa. De origem humilde, a dupla se muda para um condomínio de luxo e está pronta para aproveitar uma vida de riquezas. Mas isso pode incomodar a vida de seus novos vizinhos, Henrique (George Sauma) e Andréia (Fernanda de Freitas).

O CANTO DA SEREIA (2013)

Sinopse: A série retrata a história de uma popular cantora baiana que é assassinada misteriosamente em pleno carnaval, mobilizando uma grande investigação em torno do caso. Sereia (Ísis Valverde), com sua beleza e carisma, chamou a atenção de um produtor musical, Paulinho de Jesus (Gabriel Braga Nunes), que estava de volta a Salvador para refazer sua vida. Nela, ele achou uma grande oportunidade de fazer sucesso. Sereia, que tinha recebido uma palavra de Mãe Marina (Fabiula Nascimento) dizendo que seu futuro seria de muito sucesso, aceita a proposta de Paulinho, e, futuramente, se torna a cantora mais popular e querida da Bahia. Ao lado da publicitária e agora amiga Mara Moreira (Camila Morgado), Sereia vai experimentar dos mais altos e mais baixos sentimentos e perigos, com a marcante e forte presença do melhor amigo e fã Só Love, que terá que provar o amor e fidelidade à estrela. Sereia atraía os homens, despertava paixões, ódios e era de presença marcante onde estivesse, provocando a ira dos que a desejavam e dos que a odiavam.

OS NORMAIS (2001)

Sinopse: A série retrata o dia a dia de Rui (Luiz Fernando Guimarães) e Vani (Fernanda Torres), dois eternos noivos que vivem no Rio de Janeiro. Ele é sossegado e trabalha com marketing, sendo um torcedor fanático do Botafogo. Ela, por sua vez, é uma mulher neurótica que trabalha como vendedora.

PÉ NA COVA (2013)

Sinopse: A série acompanha a vida dos Pereira, uma família excêntrica que vive no Irajá, subúrbio do Rio de Janeiro. Eles são donos da F.U.I., a Funerária Unidos do Irajá, que Ruço (Miguel Falabella), herdou do pai. Apesar do negócio mórbido, a família lida com tudo com muito bom humor e possuem laços fortes com a família e com os vizinhos. Ruço é um homem que está sempre tramando alguma para ganhar mais dinheiro e vive com Darlene (Marília Pêra), sua ex-esposa, uma mulher espalhafatosa cheia de lábia que também está sempre planejando alguma maneira de se dar bem. Eles tem dois filhos juntos: Odete Roitman (Luma Costa), que trabalha fazendo strip-tease na internet, e Alessanderson (Daniel Torres), um garoto pouco inteligente que sonha em se tornar vereador do bairro. Além deles, quem vai morar na casa de Ruço é Abigail (Lorena Comparato), jovem que começa a namorar Ruço e é trinta anos mais nova que ele.

TAPAS E BEIJOS (2011)

Sinopse: Fátima (Fernanda Torres) e Sueli (Andrea Beltrão) são duas grandes amigas que dividiam um apartamento no Méier antes de se mudarem para Copacabana, onde trabalham em uma loja de aluguel de vestidos e artigos para casamento, do chefe Djalma (Otávio Miller). As duas vivem as aventuras de uma vida de solteira e sonham em encontrar seus príncipes encantados.

SANDY & JUNIOR (1999)

Sinopse: Entre os alunos do colégio CEMA, em Campinas, estão Sandy e Junior. Junto de seu grupo de amigos, eles vivem as mais diversas aventuras e encaram os problemas típicos da adolescência. Sandy, a menina mais popular da escola, é doce e inteligente. Junior é um garoto extrovertido e louco por música. Eles dividem bons e maus momentos com seus colegas, como Gustavo (Paulo Vilhena), que tem uma queda por Sandy e precisa lutar contra o bad boy Boca (Igor Cotrin), que também é apaixonado por ela e não quer ver ninguém em seu caminho.

TOMA LÁ, DÁ CÁ (2007)

Sinopse: O show conta a história de dois casais: Mário Jorge e Celinha e Arnaldo e Rita. Anteriormente, Mário Jorge era casado com Rita, e tiveram dois filhos, Isadora e Tatalo, e, curiosamente, Arnando e Celinha também eram casados, e dos dois nasceu Adônis. Mesmo separados, todos se encontram todos os dias, já que são vizinhos de porta no edifício onde moram, o Jambalaya, palco de todas as confusões da turma. O edifício ainda conta com a presença da perversa síndica do prédio, a Dona Álvara, e da empregada das duas famílias, Bozena, uma divertida pato-branquense que observa e participa da vida confusa das duas famílias. Além deles, há uma grande presença que só faz tudo ficar mais de cabeça pra baixo, a querida Copélia, mãe de Celinha, que vai trazer boas aventuras pra vida de todos.


***Até a data dessa matéria, todas as séries citadas estavam disponíveis no GloboPlay.***

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s