A Hora do Chá: ‘Como Salvar um Herói – Suzanne Enoch’

Oi gente! Hoje é quinta, então é dia de mais um A Hora do Chá e o escolhido é Como Salvar um Herói, uma história que encerra a trilogia Lições de Amor, da Suzanne Enoch. Para quem leu os dois primeiros, vai se surpreender com o enredo deste aqui, pois ele realmente é muito diferente. Mas Bit é diferente dos mocinhos anteriores, então faz sentido que sua história tenha outro ritmo. Antes de falar mais, leiam a sinopse…

“Ele estava todo de cinza, com exceção da gravata branca de nó simples. A cor e a pouca luz escureciam seus olhos, fazendo-os brilhar. Novamente, Lucinda teve a sensação inquietante de que ele podia ler seus pensamentos.
— Eu plantei as mudas — disse ele subitamente.
— Ah, sim? Ótimo.
— E nós fizemos um acordo.
Minha nossa.
— Sr. Carroway, você não precisa…
— Robert — interrompeu ele.
— Robert, então. Fico grata pela oferta, mas, realmente, não é…
Devagar, ele estendeu a mão e tocou seu rosto, os dedos roçando em sua pele como se esperasse que ela fosse evaporar.
— Eu disse que ajudaria — murmurou ele — e é o que farei.
Um arrepio desceu pela coluna de Lucinda. Tivesse Robert aceitado as rosas ou não, ela não esperava que voltasse a mencionar o acordo. E não esperava se sentir tão… eufórica com aquele toque.”

Georgiana, Evelyn e Lucinda são amigas desde criança, debutaram juntas e desde então ficam incomodadas com os cavalheiros que estão mais para cretinos e canalhas. Pensando nisso, as três criam listas com algumas regras e vão em busca de ‘alvos’ para dar uma boa lição de como impressionar uma dama. Em pouco tempo, Georgiana e Evelyn estão casadas com os cavalheiros que receberam as lições e apenas Lucinda Barrett continua solteira e sem um alvo em mente. Isso muda até ela dizer que escolheu Lorde Goffrey Newcombe, um arrogante herói de guerra, como aluno.

IMG_20200716_142537

Lucinda é filha de militar, então está acostumada a regras e também a agitação de ter alguém tão próximo indo à guerra. Ela quer alguém descomplicado para que tenha uma vida tranquila e possa cuidar do pai, mas o destino não quer calmaria nenhuma para Luce. Lorde Geoffrey seria uma ótima escolha já que ele almeja uma promoção, que o General Barrett poderia ajudá-lo a conseguir, mas Luce está intrigada com Robert Carroway, irmão de Tristan e cunhado de Georgiana, protagonistas de Como se Vingar de um Cretino.

Robert ou Bit para a família, se juntou ao exército aos 21 anos para lutar nas Guerras Napoleônicas. Algum tempo depois, Bit voltou à Londres ferido, não só fisicamente, mas mentalmente. As feridas de seu corpo se curaram, mas ele nunca mais foi o mesmo. Há três anos que vive confinado na casa dos Carroway e quase não é visto por ninguém que não seja da família. Ele não faz e nem recebe visitas sociais, quase não fala com ninguém. Se tornou um grande recluso e pouco se sabe sobre o que aconteceu à ele durante a guerra.

“Ele sempre pensara que o cabelo dela era castanho, até o dia em que a vira caminhando sob o sol do fim de tarde que se derramava pelo chão. Madeixas ruivas reluziam em mio ao alvoroço de cachos. Um cacho havia escapulido e acariciara a maçã de seu rosto. Sua pele parecia lisa e macia como creme.”

Só que Robert decidiu falar com Luce e pior, ele sabe sobre as lições que as amigas aplicaram e que continuam aplicando já que ela é a única que ainda busca um marido. Luce fica chocada que ele saiba de tudo e, ao mesmo tempo, curiosa por quem ele é. Bit desperta sentimentos que ela desconhecia e que está tentando sentir por Lorde Geoffrey. O choque se torna maior ainda quando Robert se oferecesse para ajudá-la com as lições, pois isso implicaria que ele passasse a frequentar os bailes, saraus e piqueniques da alta sociedade.

É claro que esse interesse de Robert pelos eventos sociais vai deixar toda a família em alerta. Todos querem que ele volte a ser o homem que sempre foi, mas nem mesmo Bit sabe como fazer isso. Lucinda desperta nele aquela vontade de viver, mas ela está decidida a fazer um casamento descomplicado e simples, duas coisas que claramente não teria com ele. Bit tem muitas questões mal resolvidas e essa proximidade com Luce faz com que uma grande investigação comece. Documentos foram roubados do departamento de guerra e agora Robert é o único suspeito.

“Embora gostasse de estar perto dela, ele resistia, pois tinha plena consciência de que não era mais o velho Robert; era Bit, um pedaço do que um dia fora.”

A trama acaba tendo várias direções já que temos um roubo, um suspeito e apenas uma solução, mas não se engane que será tudo chato e previsível. Com o mocinho sendo Bit, teremos uma história recheada da família Carroway. Amei ver o apoio e respeito que ele recebe de cada irmão. Todos sabem o quanto ele está ferido, mas não o pressionam, nem mesmo com a iminente possibilidade de ter o coração partido. Além de Tristan e Georgiana, temos muito de Santo e Evelyn, protagonistas de Como Encantar um Canalha. Todas as vezes que o Santo aparecia eu já me preparava pra dar boas risadas e ele me eu exatamente isso. Tivemos muito da amizade das meninas e quanto Lucinda sofreu quando teve que se manter longe delas.

O que falar de nossos protagonistas? Lucinda sempre foi muito prática e simples, o tipo de pessoa que todos gostam, mas ela se tornou uma força da natureza quando precisou defender Robert. Sem falar de sua lealdade as amigas que mesmo nas adversidades mostrou que sempre estariam juntas. Já Robert é aquele personagem que fez uma aparição minima no primeiro livro e que a autora nos deixou cozinhando na curiosidade até agora. Pra mim ele tem ZERO defeitos. Vamos descobrindo mais dele a medida que ele vai confiando em Lucinda e assim como ela, vamos nos apaixonando. É nítida a vulnerabilidade e insegurança dele quanto a abrir seu coração, principalmente se no final Lucinda se casar com Lorde Geoffrey.

IMG_20200716_143322

Não sei nem explicar como amei esse livro. O romance acontece aos poucos, pois ambos não querem se magoar. Há uma amizade muito grande, que nasce muito antes de tudo, e eles se tornam muito leais um ao outro. Infelizmente tenho duas reclamações pra fazer, mesmo que não afetem a qualidade da leitura. A primeira eu fiz nos livros anteriores e preciso repetir, eu sinto muita falta de um epílogo. Nesse mais ainda por ser a finalização da trilogia. A outra eu fico em choque toda vez que vejo. Que sinopse é essa? Eu sinto que foi esquecida e daí na hora de lançar pegaram um trecho do livro e transforam em sinopse. Eu fui até verificar se o original também tinha uma sinopse tão zoada, mas lá no Goodreads tem uma sinopse descente.

“Ele não pode deixar de abrir um pouco as asas, embora ainda permanecesse nas sombras, com medo de que o sol o queimasse e transformasse em cinzas.”

Eu amo as edições dessa série. A Harlequin fez um ótimo trabalho em trazer os mocinhos para as capas e nos tirar da normalidade de ver as mocinhas ou casais. A diagramação é simples, mas bonita com fonte e espaçamentos confortáveis para a leitura. Apesar de simples, a cada início de capítulo temos trechos de Frankenstein e a conexão com Bit é maravilhosa, pois num dado momento ele está lendo o livro. Sem falar que ele mesmo se julga ser o próprio Frankenstein por causa de suas cicatrizes. Fora o título que tem tudo a ver com a história. Tudo tão encaixadinho que dá vontade de dar um abraço na Suzanne por tanta perfeição num livro.

IMG_20200716_143017

Como Salvar um Herói me conquistou completamente e isso eu já sabia desde a pequena aparição de Bit no início da trilogia. É uma história mais dramática que as anteriores, mas que nos mantem grudadas no livro. Tem toda uma investigação, mas que não rouba em nenhum momento o romance que está acontecendo entre os protagonistas. Amei como a Suzanne envolveu todos os personagens na busca pela verdade e a falta de um epílogo só me deixa mais triste por não ver todos juntos um tempo depois da resolução. Tivemos boas risadas com o primeiro, muita sensualidade no segundo e a autora encerrou despertando todas as nossas emoções. Foi perfeito. Um livro sobre família, amizade e lealdade. Super indicado e claro leva as 5 Angélicas de hoje.

CLASSIFICAÇÃO 5 ANGÉLICAS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s