Terça Charmosa: ‘Escala para o Amor – Jeanninne Colette e Lauren Runow’

Oi gente!! Estamos de volta com mais uma Terça Charmosa. E livro de hoje inicia uma nova série, mas que ao mesmo tempo é um crossover com a Cocky Bastard, da dupla Vi Keeland e Penelope Ward. A Cocky Hero Club é inspirada na outra série, mas são livros independentes, escritos por novas autoras, mas que acaba citando/ mostrando personagens criados por ViPen. Escala para o Amor foi inspirado em Piloto Playboy, então além de estarmos no mesmo ambiente, já que Jolene é comissária de bordo, nós teremos uma pequena participação de Capitão Carter Clynes, fazendo sua clássica cantoria durante seus voos. Já falei demais nessa introdução, então fiquem com a sinopse que já conversamos mais sobre a história…

“Voar pelos céus tranquilos tem sido mais do que apenas um trabalho para mim. É meu lar.
Dez anos atrás, fugi de tudo o que conhecia e jurei nunca mais voltar. Bem, até meu voo ser cancelado devido ao mau tempo e eu ficar presa em São Francisco.
O destino não está do meu lado quando acabo pegando um Uber compartilhado e vejo que o outro passageiro é o único homem que eu pensei que nunca mais veria.
Zack Hunt era meu namorado do ensino médio, o garoto de quem me afastei sem nem mesmo deixar uma mensagem de despedida. Só que agora ele já não é mais um garoto. Não; esse homem é lindo, intenso e se enraivece ao me ver.
A raiva que queima dentro dele não é nada comparada à maneira como meu coração bate por vê-lo novamente. Palavras são ditas. Sentimentos são esmagados. Mas quando ele me convida a entrar em seu bar para discutirmos nosso passado, eu me vejo seguindo-o, desesperada por mais.
As fronteiras entre o passado e o presente se confundem quando Zack me faz um desafio: voltar para minha cidade de infância com ele e ver do que eu me afastei.
Pode me dizer que sou ávida por punição, porque eu sou.
Então, eu lhe devolvo o desafio: viver um dia como eu.
À nossa cidade, pegamos a estrada para reviver o passado.
Ao exterior, voamos para viver no presente.
Quando paramos, percebemos que talvez nunca tenhamos um futuro.
Escala para o amor é um romance sobre segundas chances alinhadas pelo destino. Será que duas almas perdidas podem realmente reencontrar o amor em uma escala? Ou precisarão continuar voando?”

Aos 17 anos, Jolene Davies se viu completamente esmagada pela dor de perder os pais num terrível acidente de carro e, para completar, sua única família – a avó – foi levada para um abrigo, sem nem mesmo saber quem era ela. A moça estava sendo consumida pelo luto, mas  tinha o apoio de seu melhor amigo e namorado, Zack. Ainda sim, ela sentia que precisava deixar a pequena Dixon para trás e tentar viver bem longe da cidade que guardava todas as suas lembranças mais dolorosas. Jolene sabia que Zack jamais deixaria sua família para trás, principalmente seu pai, que havia sido diagnosticado com Mal de Parkinson, então esperou completar seus 18 anos e fugiu.

2

Dez anos se passaram e Jolene construiu uma vida longe de Zack e de todo o seu passado. Ela é comissária de bordo, que já era um sonho da pequena adolescente sonhadora que um dia ela foi, e apesar de ter tido um início difícil, agora pode dizer que está exatamente onde gostaria de estar. Tem uma base fixa em Nova York, faz diversos voos internacionais e, ao longo dos anos, pode conhecer vários lugares por causa de sua profissão. Agora deveria estar embarcando para Paris, mas uma neblina intensa em São Francisco causou o cancelamento de diversos voos. Ela vai ter que passar a noite na cidade, então ao invés de ir para o hotel que a tripulação ficaria, Jolene aproveita para visitar uma velha amiga, só não imaginava que seu passado dividiria um Uber com ela.

“Às vezes, o caminho de volta para nossa casa é o mais difícil de encontrar.”

Zack Hunt nunca entendeu porque Jolene o abandonou. Ele sabia que ela sempre teve o sonho de deixar Dixon, mas nunca imaginou que seria no meio da noite e que eles jamais voltariam a falar. Zack passou por todos os estágios do abandono: sentiu raiva, saudades, raiva novamente, mas a verdade é que ele nunca foi capaz de esquecer Jolene. Eles eram melhores amigos, antes de começarem a namorar, então se sentiu ainda mais traído quando ela foi embora. Longos anos se passaram, mas o homem não conseguiu estabelecer nenhum outro relacionamento duradouro. Todas as mulheres são comparadas à Jolene e isso é injusto com as moças que resolvem se envolver com ele. 

Apesar de ser considerado um homem de raízes, Zack conseguiu construir uma vida em Dixon e outra em São Francisco. Se divide entre as duas cidades e pra ele está tudo bem, pois sabe que os pais precisam dele. Ele está voltando para São Francisco, quando acaba dividindo um Uber justamente com a mulher que esmagou seu coração. O choque está estampado na cara de ambos e Jolene tenta aliviar o clima, mas Zack está completamente paralisado por finalmente estar frente a frente com sua ex-namorada fugitiva. Mas o acerto de contas chegou e rapaz não vai deixar que ela fuja novamente, não sem dar as respostas que ele precisa ouvir, que imaginou que ouvira quando a reencontrasse.

“Quando você pensa com o coração, está amando alguém apenas pela maneira como ela te faz sentir. Viver para alguém significa que você está para o que der e vier.”

Esse reencontro promete ser intenso e ressuscitar sentimentos que ambos estavam mantendo bem guardados. Apesar de terem ficado uma década separados, o sentimento que um dia sentiram está mais do que vivo e eles terão bastante tempo para discutir o passado e saber se há um futuro para eles. Jolene é uma mulher que construiu uma vida nos céus, não tem realmente um lar, mas um local onde guarda seus pertences. Enquanto isso temos Zack, um homem totalmente fincado no chão, apegado a família e que deseja intensamente sua amada de volta. Os dois precisarão encontrar o caminho para o coração do outro, mas antes disso precisarão descobrir como ficarão juntos baseado nas vidas que levaram separados. 

3

Escala para o Amor é aquele livro super clichê, de namorados na adolescência, com reencontro e segundas chances, que eu amo ler. Ele é o primeiro livro de uma longa série chamada A Cocky Hero Club. Esse projeto foi criado pelas as autoras Vi Keeland e Penelope Ward para manter o universo que elas criaram em Cocky Bastard. Sempre teremos um livro inspirado numa história criada por elas, mas com novas autoras. E para iniciar esta nova série, tivemos Jeanninne Colette e Lauren Runow se inspirando em Piloto Playboy. A inspiração não fica apenas na profissão da protagonista, mas os personagens estão no voo em que Carter canta uma música diferente da que cantou por anos. Uma linda homenagem, mas que não fica por aí não. As duas autoras tem vários livros escritos em parceria, mas esse foi o primeiro a chegar em solo brasileiro, então foi minha primeira experiência com a narrativa delas e eu gostei bastante. 

Elas trouxeram dois personagens cativantes, cada um a sua maneira, e que a gente fica na torcida para ter aquele final feliz. A Jolene teve uma linda infância, que acabou se perdendo numa tristeza profunda e acreditou que a felicidade viria quando saísse de Dixon, mas passou anos apenas existindo. Sua felicidade era ser livre, mas uma parte muito grande sempre quis ter o melhor dos dois mundos, só não sabia como conciliar isso. A volta de Zack mostrou que ela poderia sim ter os dois, mas que haviam concessões a fazer e uma delas era diminuir a quantidade de voos. Pra mim fez sentido, porque seria impossível para que eles ficassem juntos se os dois não tivessem tempo para realmente ficar juntos no mesmo local. 

“Nossas vidas são extremos opostos. Acho que é por isso que fui embora. Queríamos coisas diferentes. Ele teve o que queria e eu tive o que precisava.”

5

E do outro lado temos Zack, um homem que precisou fincar suas raízes, inicialmente por causa do pai, mas que conseguiu construir um negócio rentável – um bar – em outra cidade sem precisar, de fato, ficar longe dos pais. Tem outro motivo para que ele fique se dividindo entre as duas cidades, mas isso fica para vocês descobrirem na leitura. O que vocês precisam saber é que Zack é aquele mocinho que a gente se vê apaixonada já nas primeiras páginas. Apesar de ter sido abandonado por Jolene quando ainda eram adolescentes, ele não conseguiu deixar que a moça fizesse isso novamente e embarcou com ela para redescobrirem como poderiam ficar juntos, mas sem perder o que construíram ao longo dos anos separados.  

“Um beija-flor não é apenas bonito; é também o símbolo da busca por nossos sonhos. Pode viajar até mais de três mil quilômetros para chegar ao seu destino. Essa é você. Meu beija-flor.”

Eu recebi esse livro em parceria com a editora e mesmo que já tivesse lido, eu corri pra fazer uma releitura e relembrar esses lindos personagens. A Editora Charme, além de continuar alimentando as fãs do universo criado por ViPen, mantiveram a linda capa original. E realmente não teve tempo de sentir saudades, porque a editora publicou, em pouco tempo, os três primeiros livros dessa nova série. Todos já estão disponíveis em edição física e também em ebook. A diagramação está maravilhosa e com ótima qualidade. Não encontrei erros de revisão e como sempre, temos o marcador do livro acompanhando. Lembrado que é uma das poucas editoras que faz isso. A narrativa é em primeira pessoa e feita pelos dois protagonistas.

4

Escala para o Amor é um romance com medidas certas de drama e humor, mas sem faltar a sensualidade tão característica desses livros. É uma história leve e que tem aquela pegada de destino, sabe? Eles estavam destinados a ficarem juntos mesmo que tivessem que pegar caminhos diferentes, de que nem sempre o amor é suficiente e que as vezes a pessoa precisa se reencontrar sozinha pra poder ser feliz ao lado de outra pessoa. Apesar de ter amado basicamente o livro todo, eu achei o final um pouco apressado. A história merecia que tivesse um final feito com mais calma. Pode ser bobeira minha, querendo achar defeito, mas vou tirar uma Angélica pensando justamente que o próximo livro pode me agradar 100%. Enfim, deixo minhas 4 Angélicas e volto semana que vem com mais uma #TerçaCharmosa. Até lá ❤  

CLASSIFICAÇÃO 4 ANGÉLICAS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s