Resenha ‘Internacional Guy Vol. 2 – Audrey Carlan’

Oi ooooi gente! Depois de falar sobre o Volume 1 de Internacional Guy, hoje vim falar sobre o Volume 2. Vamos para mais 3 cidades diferentes, que compõe esse livro. Lembrando que a Verus Editora decidiu juntar três livros em um só, o que aplaca um pouco a nossa ansiedade. Dessa vez, vamos conhecer um pouco melhor outros integrantes da IG. Antes de mais nada, vamos a sinopse…

Internacional Guy é a agência de Parker Ellis, um dos maiores especialistas do mundo em vida e amor, que tem como missão ajudar as mulheres em questão tão diversas quanto se sentir sexy e poderosas, aprender a administrar um império empresarial ou conquistar o homem dos seus sonhos. Parker e seus dois sócios atendem mulheres ricas do mundo todo, como atrizes de Hollywood, membros da realiza e CEOs de multinacionais bilionárias. E, às vezes, eles não podem evitar que as coisas esquentem e vão para na cama de suas clientes. Literalmente. Parker adora sua vida de playboy e não está procurando compromisso. Afinal, há um mundo inteiro à sua frente: os negócios o levam de Paris a Milão, de Berlim ao Rio de Janeiro. Mas, conforme ele pula de cidade em cidade – e de cama em cama -, é possível que acabe encontrando mais que sexo ao longo do caminho… No segundo volume da série, o trabalho começa em Milão, onde os executivos vão ajudar mulheres comuns a descobrir a arte da sedução. O próximo compromisso é com uma empresária em San Francisco em busca de um parceiro. A terceira cliente, uma CEO de Montreal, desconfia que há um espião em sua equipe – e faz uma proposta tentadora a Parker, abalado após uma traição.

522

Nosso reencontro com a turma da Internacional Guy, se dá com Parker lidando com as fofocas de namorar com a famosa Skyler Paige. E, enquanto, não só ele, mas todos os amigos lidam com os paparazzi em torno deles, Parker e Skyler também precisam lidar com os sentimentos que crescem entre eles. Vão ser só ficantes, namorados; o que significam um para o outro?

Na parte de trabalho, Parker e Bo pegam um avião rumo a Milão para ajudar um estilista em seu mais novo desfile de roupas íntimas. Com a ideia de mostrar mulheres reais, ele acaba contratando pessoas que não tem muita noção do que estão fazendo e que acabam tímidas, principalmente, com as peças da coleção.

– Sr. Ellis. Humm, Parker. Obrigada por me ajudar a ver o que eu não via antes. Eu gosto de quem eu sou. Fico feliz por ter um corpo saudável, independente do peso extra, e das partes flácidas que eu não tinha aos vinte anos. Agora eu entendo: preciso amar o corpo que tenho e ser grata por ele.

Eles vão ficar responsáveis em ajudar a essas mulheres a se movimentar, a desfilar e verem a si mesmas como incríveis e que poderiam conquistar o mundo. Uma cena em particular, é bem maravilhosa e nos deixa com o coração cheio de amor em ver como elas evoluem e se sentem tão bem nas roupas. O estilista é bem idiota, mas todo o trabalho em todos das verdadeiras protagonistas é o que mais vale e merece destaque. Ah, a hora que o Parker for deixar a sua marquinha de despedida, também é bem incrível, além de casar com aquele momento.

Não vou me estender muito, porque a história é mais rápida, então é melhor antes de dar spoiler. Mas digo que teremos uma participação não só de Skyler, mas de outra mulher que foi cliente da IG e que, particularmente, eu adoro. Então, vamos ao próximo país.

523

No próximo trabalho, Parker vai para São Francisco, dessa vez, junto de Roy. O que nos dá a chance de conhecer melhor a terceira ponta desse trio. O trabalho deles é ajudar uma importante empresária, Rochelle, a encontrar o seu par perfeito. Ela não tem muito tempo para “perder”, nem quer alguém que exija muita atenção dela, mas deseja ter um parceiro e uma futura família.

E enquanto Roy vai se encantando totalmente pela cliente, Park vê que o amigo pode estar entrando em uma furada, afinal, ambos são bastante opostos um do outro. Além disso, Rochelle não parece ser alguém que abriria mão de seu negócio, em prol do amor ou de outra pessoa, coisa que seria fundamentais para que ela se encaixasse bem com Royce.

E Parker tenta avisar isso várias vezes ao amigo. Esse fato é o que pode acabar gerando um atrito entre os amigos, já que Roy não lida muito bem com as intromissões, principalmente, por apontar a hipocrisia em dormir ou não com clientes, sendo que o amigo fez isso, sem entender o outro ponto apontado.

– […] O amor é complicado, não segue regras e regulamentos, e as pessoas não andam com placas sobra a cabeça dizendo “compatível”. 

Na parte em que eles foram contratos, não é tão fácil quanto eles imaginaram, porque a cliente é bem exigente. Mas, eles começam a perceber que já existe uma pessoa na vida de Rochelle. O que parece é que ela não consegue enxergar esse fato, mas, eles vão mexer uns pauzinhos para que ela possa ver que a felicidade está bem mais perto do que ela imagina. Só que nem tudo serão flores, quando a empresária acabar em perigo, por causa de uma paixão perigosa.

Já a vida romântica de Parker não poderia estar melhor. Ele e Skyler estão se acertando, ela já foi apresentada aos amigos e família. Mas, a mocinha recebe a ameaça de um ex namorado, de usar fotos que ele tem dela em situações comprometedoras. E enquanto todos da IG se unem para ajudá-la a sair dessa, Sky vai tomar uma atitude corajosa, mas que pode gerar diversos mal entendidos com Parker e colocar o seu relacionamento em risco.

524

A última parte do segundo volume não começa da melhor forma. Parker ainda está lidando com seu coração partido e acaba cometendo absurdos pelo caminho. Mas, ele tem seus amigos com ele, preocupados e prontos para estarem lado a lado. Além de Bo e Royce, ele também pode contar com a pequena Wendy, a melhor secretária do mundo.

Mas, ainda que esteja sofrendo, o trabalho não pode parar e toda a Internacional Guy vai para Montreal para o próximo serviço. Eles são contratos por uma super CEO, que acredita que tem um espião em sua equipe e precisa que descubram quem é, antes que seus concorrentes tenham ainda mais de seus novos produtos.

– Um brinde. – Royce ergue sua tequila sobre a pequena mesa.
Nós três seguimos o seu exemplo.
– Que nós nunca deixemos nada atrapalhar o que temos. Nós somos a equipe IG, para o que der e vier!

Com todos infiltrados na empresa, começam a entrevistar funcionários, entender como funciona o local e a relação entre as pessoas. E, vai ser ligando os pontos que unem as pessoas que trabalham ali, além de ouvir Alexis e seu irmão, que a equipe IG vai montar o quebra cabeça do que está acontecendo, mas antes, eles ainda vão ser enganados por pistas falsas e isso pode custar muito caro para a nossa equipe querida.

Em meio a toda a investigação na empresa de Alexis, Parker ainda precisa lidar com o assédio que fica sofrendo da empresária, enquanto tenta se esquivar e tentar sarar o seu coração partido. Ele não quer ouvir o que Skyler tem a dizer, ainda que ela possa explicar tudo. São necessários alguns “sacodes”, uma simples resposta em uma entrevista e um risco de vida, para que ele permita que a mulher que ame se reaproxime. Basta saber como eles vão se comportar com que está acontecendo entre eles.

525

Aí, eu já começo dizendo que, novamente, amei o que a Adurey nos trouxe. Com sua escrita cativante e fluída, ela nos mantém envolvida na história, tentando descobrir as pistas que estão pelo caminho, tentando juntar o casal certo ou até mesmo empoderando mais mulheres. Tem vários momentos nesse volume, que eu quis entrar pelas páginas e agarrar os personagens e dar um abraço muito forte. Gosto muito do jeito sensual das histórias, mas como homens maravilhosos e incríveis. Chega de boy lixo por aqui. E, assim como elogiei no primeiro volume, torno a fazer aqui. Amo o jeito que eles tem de querer, de coração, ajudar essas mulheres que contratam seus serviços da melhor maneira, onde elas sempre fiquem felizes.

Reencontramos os três meninos, mas podendo conhecer melhor Royce, que pouco tinha aparecido até então. Gostei muito dele, assim como quis sentar e ouvir, quando ele não está em seu melhor momento. Bo continua sendo o engraçado dessa turma, mas que se mostra um dos melhores amigos a se ter, quando Parker mais precisa. E, aí, podem me ouvir suspirar pelo Parker? Porque oh homem maravilhoso.

Mas, preciso falar da alma feminina presente na IG: Wendy. Ela é uma super entendida em computação, que acaba hackeando uma entrevista na empresa e é contratada na hora. Ela ajuda os meninos em várias questões e toma conta real deles, se preocupa mesmo com cada um deles. Ela tem uma personalidade hiper engraçada e um relacionamento amoroso bem curioso. Ela é a pequenina irmã mais nova dos meninos e eles a tratam assim. Ela vai ganhando destaque desde o momento que aparece, mas podemos dizer que seu auge é quando estamos em Montreal.

– Você entrou na família mesmo, né?
Wendy dá uma piscadinha e desliza na cadeira.
– Sim. Eu não tenho família além do Sir Mick. Como você se chama de irmãos, eu percebi que podia conquistar o lugar de irmã honorária.

Lembrando que a narrativa do livro é toda em primeira pessoa, feita pelo Parker. Mas, assim como no primeiro, temos Skyler narrando o último capítulo de cada história, nos fazendo entender melhor o que se passa na sua cabeça e podendo ver o que um mau entendido pode fazer.

Como venho dizendo, a Verus decidiu condensar as 12 histórias. Ou seja, estamos no segundo de quatro livro. E, se antes eu não sabia como me sentir sobre isso, agora eu sei. Definitivamente, eu to amando. Ia ficar muito mais ansiosa esperando pelo próximo livro e aqui já temos três deles de uma vez. Além disso, os lançamentos estão sendo feitos rapidamente. O volume três, por exemplo, já lança em fevereiro. Novamente, temos uma capa linda, dessa vez, com um verde neon. Por dentro, a diagramação é de modo simples, mas eficaz. Temos letras grandes e um bom espaçamento, com folhas amareladas. Durante a resenha, fui mostrando como é feita a divisão dos países.

Sigo sendo hiper fã da escrita da Audrey, mas acho que ainda amando ainda mais. Ela está nos apresentando uma história que é impossível não se sentir atraída e cativada por cada personagem envolvido. Nós temos personagens masculinos apaixonantes, personagens femininas encantadoras e muito amor, amizade, família e comprometimento. Deixo minhas cinco Angélicas para o segundo volume e uma agitada esperar pelo terceiro.

received_1224374384350116.png

 

11 comentários em “Resenha ‘Internacional Guy Vol. 2 – Audrey Carlan’

  1. Olá Raíssa, tudo bem?

    Tentei ler a primeira série da autora publicada aqui, mas não consegui, parei no volume de março. Então, confesso que estou bem receosa quanto a esta nova série da autora. Gostei da ideia da Verus em reduzir o número de volumes e publicar três de uma vez neste segundo volume. Como são livros pequeno, creio que isto possa ser feito tranquilamente.
    Quanto a história, parece-me interessante, principalmente por trazer esse pano de fundo. Gostei de saber que ela empoderou as personagens femininas e que esta obra te cativou tanto. Acho que darei uma chance no futuro e espero gostar. Adorei conhecer sua opinião!

    Beijos!

    Curtir

  2. Olá
    Acho que a história não me fisgou, mas de qualquer forma achei a atitude da editora muito Boa, ao que parece os volumes são bem Romance de Banca, curtinhos, e baratos, ao que no Brasil tudo fica caro, a editora juntar três livros em um fica mais barato para ela e para o consumidor

    Curtir

  3. Sou apaixonada por romances e apesar de ainda não ter lido nada da Audrey, preciso dizer que todas as resenhas que leio sobre os livros dela me fisgam um pouco. Nesta sua, por exemplo, fiquei bem curiosa a respeito dos personagens masculinos apaixonantes. Geralmente em um livro a gente conta nos dedos os bons moços!
    Parabéns pelo post.

    Curtir

  4. Oi, Raissa!

    Menina eu li outro livro dessa autora, o do calendário (esqueci o nome), na tentativa de me desafiar a ler coisas diferentes do habitual e não deu. Achei muito ruim. Então, sinceramente, não me enche os olhos esses novos livros dela.

    Mas que bom que foi uma leitura agradável para você.

    Bjão,
    Diego | http://www.vidaeletras.com.br

    Curtir

  5. Pelo que eu pude entender a agência de Parker tem como objetivo ajudar mulheres a se sentir poderosas no amor e nos negócios ,ele esta sempre viajando e atende mulheres do mundo inteiro ,entre elas artistas importantes.Ele é bem tranquilo dormem com suas clientes e não quer compromisso com ninguém .Eu fiquei bem interessada sera que ele não vai se comprometer com nenhuma?.Só lendo para entender. Parabéns!Sucesso!

    Curtir

  6. Esse romance deve ser repleto de surpresas e com uma leitura intensa, deve chamar a atenção do leitor o tempo todo, aguçando a curiosidade para saber o que está por vir.

    Curtir

  7. Olá,
    Muitas pessoas me indicam os livros desta autora, mas ainda não li nenhum. Quem sabe esse ano eu não comece A Garota do Calendário? kkk
    Acho as capas de International Guy, lindas, e adorei a sacada da autora de fazer uma série focada no universo feminino e a outra no masculino.
    Abraços

    Curtir

  8. Oi Raí,
    Sempre tive vontade de ler os livros da Audrey pela forma como você fala com paixão das obras dela. Dá pra ver que tu é fã mesmo.
    Essa série International Guy tá me deixando mega curiosa pra conhecer todas as histórias. Confesso que fiquei triste pelo Parkerzinho estar de coração partido, espero que os sacodes façam ele ouvir a Skyler e voltar a ser feliz rs.
    E ah, já sou fã da Wendy e já tô shippando ela com um dos meninos porque eu sou dessas que não consegue viver sem romantizar tudo!!! kkkk

    Grande beijo,
    https://almde50tons.wordpress.com/

    Curtir

  9. Como é bom quando conseguimos fazer uma leitura que nos agrada tanto, não é? Eu não conhecia a série, mas achei a premissa bem dinâmica. Não passa a impressão de ser um livro muito parado, mas sim bem envolvente.

    Tatiana

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s